sábado, 11 de fevereiro de 2012


E que a magica não desapareça!


Em 31 de janeiro para quem não sabe comemoramos o dia do magico. Fiquei surpresa ao comentar isto e perceber que poucas pessoas possuem conhecimento sobre esta data. É engraçado comentar a ironia da fascinação produzida pelo dom ou técnica dos mágicos que nos enganam, iludem, nos fazem acreditar em algo que sabemos não ser real, mas que presenciamos, e por alguns instantes, ou pela a vida inteira nos causam a sensação de realidade de tal momento, creio que isto acontece quando não enxergamos apenas com os olhos, mas com o coração , que precisa das ilusões reais para continuar esperançoso com o mundo.


Ao perguntar se você gostaria de ser enganado, temos uma resposta imediata: é claro que não! E quem gostaria de tamanha perversidade contra a nossa ainda sobrevivente boa fé nos tempos atuais, digo que os mágicos possuem o dom de nos fazer crer em algo além do que conhecemos, do que podemos tocar de algum modo, nos fazem acreditar que por algumas vezes ser ludibriado é bom, e que coisas sobrenaturais ou somente especiais existem para nos tirar um sorriso escondido atrás da correria habitual de cada dia, que consome cada vez mais as pessoas de toda uma era.


Seus truques e magias iluminam os olhos curiosos das crianças e desafiam a malícia dos adultos preocupados com as causas lógicas, mas nos dois casos acontece o esplendor da duvida, da reflexão, e do encantamento por si só.


Na era da internet, os atrativos eletrônicos lideram em opções de entreternimento e diversão, afinal quem não se rende a este espetáculo de tecnologia e facilidades, atualmente poucos ainda não aderiram aos seus inúmeros atributos, mas é necessário que saibamos valorizar e preservar o que nos faz bem, mesmo que não esteja nos padrões atuais de tecnologia. Os mágicos não se resumem em coelhos ou pombos da cartola, se trata de algo mais sublime, o irreal possibilitando na realidade uma explosão de sentidos que conduzem os pequeninos e grandinhos a se questionarem diante do inquestionável, os fazendo crer que pouco sabemos sobre os mistérios da vida e que muito temos a aprender sobre cada pedacinho desse nosso planeta em construção a cada dia.


Parabéns aos que contribuem para a convivência da inocência existente em algum lugar nos olhos da humanidade, que as nossas crianças passam adiante essa alegria e que isto não se torne coisa do passado, mas que sobreviva a era digital cada vez mais em evolução, não quero que ela não venha, apenas desejo que a magica continue sempre!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário