terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Vida Sonhada – Feliz 2014!

Em todo final de ano é pratica comum fazer um balanço geral, o que foi bom e que nem tanto, o que foi colocado como meta e não cumprido e também as realizações, sejam as mínimas possíveis. Logicamente varias situações fará parte de nossas analises, afinal estar vivo significa passar por bons e maus momentos e isto é inevitável, no entanto existe uma meta que não deveria ficar de fora da lista de ninguém, a isso chamo de motivação.

É incrível como o mundo e as suas condições sociais são impostas de forma natural em nosso cotidiano, na maioria das vezes as motivações estão ligadas aos bens materiais, são eles que determinam o grau de qualidade de vida, conhecimento e bem estar das pessoas, afinal quem não quer sombra e agua fresca? Abaixo a hipocrisia, todos querem ter uma “Boa vida”, mas o que isto tem a ver com a motivação e procuro entender aonde foi parar o sonho da felicidade.

Na era capitalista e politica de “selva de pedra”, a verdade é que as pessoas trabalham demais para ganhar a vida enquanto ela se esvaia aos poucos, e não nos resta tempo para viver, sonhar então nem pensar. É diante disso que as motivações se enquadram como essencial, e o sonho como algo vital.

Quando falo de sonhos não estou me referindo a delírios lunáticos como chegar ao sol, ou viajar com a NASA, se bem que a segunda opção não seria impossível. Mas falo sobre ter objetivos, acreditar que possui algum talento, todos possuímos, e investir nele de modo verdadeiro, mesmo que seja difícil e que pedras se coloquem em seu caminho, desafios existem para serem superados.

Mas se ainda assim os percalços cotidianos forem maus e tentarem impedir que seus sonhos se realizem, mude a estratégia, mude de emprego, mude de namorado (a), ou mude de sonho se for necessário, mas em hipótese alguma deixe de sonhar, não permita que a capacidade de sonhar inexista em você, pois quando isto acontece uma parte de nós morre, e a vida se torna amarga, sem brilho e a sua essência desaparece.

O sonho de cada dia pode estar em realizar uma viagem maravilhosa, conhecer um ídolo, encontrar um amor, ou até escrever poesias, na verdade o teor e grandeza do que se deseja deve estar presente na intensidade de quem busca e jamais na de quem observa. Aprender a se conhecer já poderia ser um bom sonho de toda a humanidade, que na sua complexidade existencial torna isso cada vez mais difícil. Os sonhos também podem ser coletivos, mudar um modo cultural, social ou politico, aliás, muitos aconteceram na historia da humanidade, e isto graças a um sonho que foi sonhado por muitos, a ideia de realizar algo nos torna atentos para se reconhecer como únicos e capazes.

 Para alguns que prosseguiram o sonho aconteceu, e se classifica como a magica de sentir a vida e não apenas passar por ela, para os que desistiram não existe registros. E assim estudiosos de varias áreas tentam descobrir o segredo da felicidade plena, que alias não deixa de ser um sonho. E todas as áreas persistem em aspirações sociais, tecnologias incríveis ou a cura de alguma doença, como vemos, são os sonhos que impulsionam a humanidade.

Assim desejo que em 2014 critiquemos menos os nossos vizinhos e as suas preferencias, assim teremos tempo para descobrir as nossas e o que realmente nos faz sentir frio na barriga e rir como criança. Desejo á todos  paz, alegria e amigos verdadeiros, que o amor seja uma plantação fértil de tolerância e felicidade. Que os pensamentos positivos prevaleçam. E sonhe sempre!


Grazy Nazario  -  MTB. 74588/SP.

Nenhum comentário:

Postar um comentário