domingo, 14 de novembro de 2010

"O Desabafo de Agora"

De repente uma tristeza profunda e falsa, quanto a realidade
A razão se nega a ficar num pleno mar a deriva
Parecendo que as dores da vida que dormem
despertam os sentidos desconectados outrora
Exclusa do controle humano

2 comentários:

  1. Ameiiii esse versinho!!!, quem é a autora? Ela é ótima com as palavras!!!
    Quero ver mais versos dela, vcs poderiam passar o link de mais obras dela?
    Obrigadinha!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Olá Maria, sobre a poesia, a autora se chama Naille Vezolli e ela é colaboradora do blog, sempre posta versos e poesias no blog do PSA, clique nas publicações dela e você terá acesso a todos. Obrigado pela participação.

    ResponderExcluir