quinta-feira, 3 de março de 2011

Maria Quitéria



A historia desta brava guerreira não poderia faltar em nossa homenagens, Maria Quitéria de Jesus Medeiros, a corajosa guerreira brasileira, linha de frente de importantes batalhas pela consolidação Independência do Brasil.

Ainda muito jovem Maria Quitéria demonstrava seu gosto pela liberdade, algo que lhe fora retirado pela madrasta. Seu amor a pátria era evidente, e quando os rumores da luta pela independência do Brasil iniciaram, a jovem Quitéria viu a oportunidade que esperava de contribuir de algum modo para o seu país. Sabendo não ser possível participar do combate, devido a ser mulher, Maria Quitéria fugiu de casa, cortou os cabelos e fez uso de uma farda de seu cunhado, e se alistou nas forças armadas com o sobrenome do mesmo. Assim participou de algumas batalhas com tamanha bravura e habilidade que quando fora descoberta em seu disfarce tornou-se a "queridinha" da tropa. Após este incidente Maria Quitéria sentiu-se ainda mais confiante e liderou grandes e vitoriosas batalhas contra os portugueses nos anos de 1822 e 1823. É importante mencionar que a noticia e aceitação de Maria Quitéria no exército motivou mais mulheres que se uniram a esta batalha formando uma equipe, que era no mínimo inusitada.

Pioneira como guerreira em terras brasileiras, Maria Quitéria não é apenas um exemplo, mas um estimulo da certeza de que sempre podemos mais do que pensamos, estaremos sempre acima de nossas próprias expectativas, basta acreditar e fazer a nossa parte.

Maria Quitéria não lutou somente pela independência brasileira, lutou e conquistou também a própria independência, enfim tornou-se livre como sempre desejou. Esta brava guerreira que venceu diversas batalhas durante a sua notável participação no exercito brasileiro, morreu em sua casa no ano de 1853.



Para saber mais sobre a nossa heroína brasileira acesse o link: http://opiniaoenoticia.com.br/opiniao/biografias/maria-quiteria-a-mulher-soldado/

Nenhum comentário:

Postar um comentário